Ferido no Trabalho

Uma vez que trabalhamos com pessoas, as chances que venham a nos ferir em várias ocasiões são grandes. Clientes irão tratar-nos mal. Concorrentes mentirão a nosso respeito. Sócios nos trairão e chefes não irão nos valorizar. 

 Ás vezes somos feridos intencionalmente e outras sem querer. Mas pouco importa: a dor causada é a mesma! A reação natural ao ser ferido é ficar ressentido. Ressentimento é apego à dor. Em vez de deixá-la passar, nós a revivemos relembrando a ofensa vez após vez. Isso apenas intensifica a ofensa e, a cada lembrança, ela parece crescer e tornar-se mais injusta. 

 A Bíblia afirma que ressentimento causa ruína pelos seguintes motivos:

 . É irracional. Abrigar ressentimento não muda o passado nem corrige o problema, mas nos leva a agir de maneira tola. “O ressentimento mata o insensato, e a inveja destrói o tolo” (Jó 5.2).  

  . É inútil. Ressentimento fere mais a nós do que quem nos feriu. Sentimo-nos miseráveis enquanto ele sequer é afetado! “Você está apenas ferindo a si mesmo com sua ira…” (Jó 18.4).   

. É doentio. Médicos dizem que ressentimento não é saudável e pode literalmente nos envenenar.“Um homem morre em pleno vigor, quando se sentia bem e seguro… Já outro morre tendo a alma amargurada” (Jó 21.23-25).   

Se tudo isso for verdadeiro, então permanece uma pergunta importante: Como devemos lidar com a ofensa? 

1. Revelando nossa dor. Admitir que estamos feridos a alguém em quem confiamos e falar com Deus sobre nossa dor. Não reprimir a dor, mas confessá-la! Se engolirmos a ira nosso estômago vai acusar. Costumo dizer:“Revelar sentimentos é o princípio da cura”.

  2. Liberando nosso ofensor. Deixá-lo ir e perdoá-lo para nossa própria paz de espírito. Enquanto não perdoarmos nosso ofensor, quer ele peça ou não, não deixaremos de sofrer. Lembremo-nos do quanto DEUS nos tem perdoado e confiemos Nele para acertar as coisas. 

3. Mudando o foco de nossa vida. Enquanto nos concentrarmos em alguém que odiamos estaremos permitindo que ele nos controle. Quando dizemos: “Ele me deixa furioso”, estamos admitindo que ele tem o controle de nossas emoções. Não resistamos ao ressentimento. É preciso substituí-lo por outro pensamento. 

Lembre-se: Você pode ter apenas um pensamento de cada vez e você é responsável por ele!

Que o Espírito Santo nos ajude !

Abs e até a próxima semana!

Reynaldo Galeskas, é um dos mantenedores do Colégio Edificando, Diretor

do Conselho de Pastores de São Paulo zona ( norte e centro)de São Paulo, e membro da

Igreja Bíblica Aliança

Dica da Semana é uma edição semanal, interdenominacional,com o propósito de compartilhar  Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial.

Indique a Dica da Semana para um amigo através do e-mail galeskas@uol.com.br  

Ou  acesse  o blog: https://adicadasemana.wordpress.com e faça seu comentário.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s